CCP fortalece iniciativas de inovação e se une ao ecossistema de startups

- Imprensa -

Em parceria com diversas empresas, companhia analisa ideias que podem ser aplicadas em shopping centers, edifícios corporativos e condomínios logísticos; objetivo é gerar valor a partir do alinhamento permanente às expectativas do mercado consumidor

Inovação não é apenas uma ideia criativa, mas como essas ideias podem ser implementadas para melhorar a vida das pessoas, das empresas e da sociedade. É nesta direção que a CCP (Cyrela Commercial Properties), uma das empresas líderes em desenvolvimento, comercialização e administração de imóveis comerciais no mercado brasileiro, lança o Inova CCP, programa de desenvolvimento de inovações nos segmentos de shopping centers, edifícios corporativos e condomínios logísticos.

Para viabilizar o plano, estão em curso diferentes e simultâneas ações, apoiadas por um comitê formado pelos principais executivos da CCP e convidados externos, liderados pelo presidente Pedro Daltro. Entre as táticas de engajamento está a vinculação das metas de cada profissional ao seu nível de contribuição no critério inovação.

Ciente de que as boas oportunidades de inovação podem surgir de qualquer lugar, a CCP também fortalece iniciativas de inovação aberta, inicialmente com startups que desenvolvam soluções integradas às necessidades de clientes e usuários dos empreendimentos que administra. A ideia do Inova CCP é que as empresas selecionadas e convidadas se apresentem aos decisores da organização e, a partir das exposições, sejam fechadas parcerias de forma objetiva e rápida, atendendo ao interesse das duas partes.

No último dia 20 de fevereiro, seis startups mostraram suas propostas. Cinco delas avançaram para a discussão de parcerias. Nos próximos meses, novos encontros serão realizados para selecionar outras ideias que possam ser integradas à operação da área corporativa e de suas unidades de negócio. Na opinião de Marcelo Nakagawa, consultor que apoia o projeto, o Inova CCP é uma iniciativa muito bem-vinda, pois integra colaboradores engajados com a inovação, empreendedores de startups disruptivas, empresas clientes da CCP e usuários dos imóveis comerciais.

O projeto reflete um futuro de desafios e oportunidades para inovadores e empreendedores. Na área de shopping centers, por exemplo, um dos objetivos é aprimorar o trabalho de entendimento e mapeamento da jornada do cliente. Isto é, compreender melhor a dinâmica de consumo por parte dos visitantes, potencializar a possibilidade de venda dos lojistas e valorizar o relacionamento com o público.

Nos setores de edifícios corporativos e condomínios logísticos, a parceria com startups também sinaliza interessantes possibilidades. Mais do que simplesmente oferecer espaços físicos muito bem localizados, a CCP está engajada em propiciar novas e melhores experiências profissionais e pessoais para seus clientes, usuários e colaboradores.

Nesse contexto, a qualidade e a excelência dos seus edifícios serão progressivamente conectadas a soluções de mobilidade, big data, internet das coisas, redes sociais, inteligência artificial e outras tecnologias disruptivas que melhoram a vida das pessoas, das empresas e da sociedade.

  • Deseja receber
    notícias exclusivas?