- Imprensa -

CCP anuncia crescimento de 96,7% no lucro líquido no segundo trimestre

A CCP (Cyrela Commercial Properties) registrou no segundo trimestre de 2012 um crescimento de 96,7% no lucro líquido em relação ao mesmo período de 2011, que fechou em R$ 76,1 milhões. O EBITDA totalizou R$ 96,9 milhões, um incremento de 106,7% se comparado ao trimestre anterior. A margem EBITDA ajustada foi de 87,5% e, a margem NOI (receita líquida operacional), de 95,3%. No semestre, a receita bruta com locação cresceu 20,2% no segmento de edifícios corporativos, 6,2% no de shopping centers e 6,4% no de condomínios logísticos.

A taxa de vacância física registrada no portfólio de edifícios comerciais e de centros logísticos foi de 0%. Em relação ao segmento de shopping centers, a taxa foi de 3,1%, em função de o Parque Shopping Belém e o Shopping Estação BH, lançados em abril e maio, respectivamente, ainda estarem em período de estabilização. “Continuamos a observar na companhia índices de vacância muito baixos nos três segmentos em que atuamos por conta da falta de propriedades de padrão diferenciado para atender a demanda atualmente existente”, afirma Roberto Perroni, presidente da CCP. Segundo ele, esse número evidencia a capacidade da empresa na retenção de locatários, boa gestão e alta qualidade de portfólio.

Entre os destaques do segundo trimestre, a CCP assinou, em conjunto com a Camargo Corrêa Desenvolvimento Imobiliário (CCDI), a venda de suas participações na Torre Corporativa Matarazzo à Previ – Caixa de Previdência dos Funcionários do Banco do Brasil. O projeto, localizado na Avenida Paulista, em São Paulo, é composto pela Torre Matarazzo, torre de escritórios corporativos Triple A, com 22.052 m² de área privativa total, e pelo Shopping Cidade de São Paulo, com 17.500 m² de área bruta locável. A participação da CCP na torre de escritórios foi vendida por R$ 199,07 milhões.

Nesse período, a empresa inaugurou dois shoppings centers, em Minas Gerais e no Pará, com 96% da ABL comercializada. O Shopping Estação BH, na zona Norte da cidade de Belo Horizonte, em Minas Gerais, foi desenvolvido em parceria com a BR Malls Participações e abriu as portas no mês de maio. O empreendimento é um dos primeiros shoppings de grande porte na região, com 33.982 m² de ABL total, e será referência para a região, com oito lojas âncoras e sete megalojas. Em abril, a CCP inaugurou o Parque Shopping Belém, capital paraense, em parceria com a Aliansce Shopping Centers, com 32.700 m² de ABL, 133 lojas, incluindo oito âncoras e quatro mega lojas.

No segmento industrial, a companhia adquiriu um novo terreno para o desenvolvimento do Centro Logístico New Cajamar, novo empreendimento de galpões logísticos de alto padrão. O terreno possui mais de 700 mil m² de área bruta, que comportarão aproximadamente 243 mil m² de área locável (60.693 m² da CCP). O projeto será um marco para a região e será desenvolvido dentro dos mais altos padrões construtivos do mundo, atendendo às especificações de armazenagem e distribuição com eficiência e qualidade.

Atualmente a empresa tem em desenvolvimento quatro projetos no segmento de escritórios (CEO, Thera Corporate, Torre Matarazzo e Edifício Faria Lima); quatro no de shopping centers (Metropolitano, Tietê Plaza, Cidade de São Paulo e Shopping Cerrado), além da expansão do Grand Plaza Shopping, e sete no de condomínios logísticos (Cajamar 2, Queimados 1 e 2, Jundiaí 1 e 2, New Cajamar e Dutra).

A CCP possui 214,8 mil m² de área locável e mais 348 mil m² em projetos em desenvolvimento a serem entregues nos próximos anos. A companhia possui 120 mil m² em landbank.

 

Deseja receber
conteúdos exclusivos?